Quarta, 26 Abr 2017   16:43hrs.Hora local:
Inicio   »   História   »   Cristo Rei

Cristo Rei

Cristo Rei

A ideia de erigir em Lisboa um Monumento a Cristo-Rei surgiu em Setembro de 1934,de aquando a visita de D. Manuel Gonçalves Cerejeira, Cardeal Patriarca de Lisboa, ao Monumento erguido a Cristo no alto do Corcovado, sobre o Rio de Janeiro.
De regresso a Portugal, o Senhor Patriarca apresentou essa ideia a diversas entidades, tendo a proposta granjeado, desde logo, significativos apoios. Em Julho de 1936, o Cardeal Patriarca propôs aos Bispos portugueses reunidos em Coimbra para a Festa da Rainha Santa a construção do Monumento. Na Pastoral colectiva da Quaresma de 1937, os Bispos aprovaram oficialmente a ideia.

Após a adjudicação dos Bispos iniciou-se a propaganda para a recolha do dinheiro necessário à construção da obra. Em diversos documentos surgidos nos finais da década de 30, os Bispos portugueses recomendavam aos seus diocesanos a oração e a generosidade para que o Monumento não demorasse a erguer-se.
O início da Segunda Guerra Mundial, se por um lado veio dificultar a recolha de donativos, veio, por outro lado, criar mais um motivo para construir o Monumento. Face à tragédia que ensanguentava o mundo, os Bispos portugueses fizeram, em 20 de Abril de 1940, a solene promessa de erguerem a Estátua, se Portugal fosse poupado aos horrores da guerra.
O local onde havia de erguer-se o Monumento foi adquirido em Junho de 1941 e a ideia do Patriarca de Lisboa ia, a pouco e pouco, ganhando contornos. Já depois de terminada a Segunda Guerra Mundial, numa Pastoral Colectiva publicada a 18 de Janeiro de 1946, os Bispos portugueses reafirmavam a intenção de levar por diante o projecto de dotar a cidade de Lisboa de um Monumento a Cristo-Rei.

As diligências para a erecção do Monumento continuaram nos anos seguintes, com persistência e entusiasmo, apesar de os donativos chegarem com lentidão.
Em Novembro de 1948 foi apresentado ao Patriarca de Lisboa o modelo de Monumento, da autoria do arquitecto António Lino. No dia 18 de Dezembro de 1949, foi lançada a primeira pedra do Monumento que o Cardeal Patriarca de Lisboa solenemente benzeu. Entretanto, o escultor Mestre Francisco Franco era encarregado, em Agosto de 1950, de fazer o modelo da estátua e o engenheiro D. Francisco de Mello e Castro fazia os cálculos.
A escassez de recursos económicos constituía uma dificuldade sempre presente; contudo, a boa vontade e o sacrifício dos fiéis fez com que, a pouco e pouco, a obra fosse ganhando forma. No final de 1956, o pedestal estava concluído e, no decurso de 1957 e 1958 moldava-se e fundia-se a imagem de Cristo.
No dia 17 de Maio de 1959, o Monumento foi inaugurado, na presença de todos os Bispos portugueses.

Visite o site do Cristo Rei.

Bookmark and Share

SPONSORED LINKS

HOTEL em DESTAQUE

Vila Galé Ópera

Próximo do Centro de Congressos de Lisboa, apenas a um curto passeio do Parque Natural de Monsanto, este hotel é uma base excelente para explorar a capital de Portugal. O design ultramoderno e decoração em tons de preto e bege mistu... + info

Reserve este ou outros hotéis na Costa da Caparica

Vila Galé Ópera

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Aumentos por consultas fora de horas são para todos os profissionais de saúde
Em declarações à Renascença, o secretário de Estado da Saúde esclarece o acréscimo que pod ...
26/04/2017 14:09:17 (há 2 hr. e 34 min.)
Pelo menos 12 mortos e 21 feridos num motim em prisão de Anzoátegui
Pelo menos 12 pessoas faleceram e outras 21 ficaram feridas durante um motim entre presos ...
26/04/2017 14:05:00 (há 2 hr. e 38 min.)
PS aceita continuidade de Mota Pinto na presidência da fiscalização das ?secretas"
As eleições para o Conselho de Fiscalização do Sistema de Informações da República Portugu ...
26/04/2017 14:10:49 (há 2 hr. e 33 min.)
Novas regras de informação sobre depósitos indexados entram em vigor em 2018
Os depósitos indexados vão passar a ter um novo documento de informação pré-contratual a p ...
26/04/2017 14:11:00 (há 2 hr. e 32 min.)
Várias parcelas de terras em Angola sem cadastro consideradas ocupações informais
Angola possui várias parcelas de terras não registadas, que continuam a ser consideradas " ...
26/04/2017 14:14:00 (há 2 hr. e 29 min.)